Após incêndio em escola, comunidade pede auxilio dos Vereadores

Moradores solicitam a instalação de câmeras de monitoramento, guarda presencial e a antecipação das férias de julho

Um grupo de moradores do Alto Bonito, pais de alunos que estudam na escola do bairro e que acabou sendo danificada após incêndio, estiveram na Câmara Municipal na sessão ordinária desta segunda-feira (9) para solicitar o apoio dos Vereadores na efetivação de medidas essenciais para a segurança e o bom andamento das aulas após a reconstrução dos espaços comprometidos, além da antecipação do período de férias escolares deste mês.
Eles vieram acompanhados da Presidente da Associação de Moradores, Marlene Zollner, que fez uso da Tribuna Livre após deliberação do plenário. Ela externou a preocupação da comunidade diante dos últimos acontecimentos na unidade escolar, como a falta de segurança para alunos e professores e o consumo de drogas nas proximidades da escola.
“Estamos pedindo que a Câmara nos auxilie junto ao Executivo para a colocação de câmeras de monitoramento e segurança presencial para que os estudantes, professores e pais tenham a tranquilidade de frequentarem a escola com segurança. Além disso, houve a informação que os alunos do primeiro ao quinto ano serão transferidos provisoriamente para a escola Graciosa, sem a concordância dos pais, por isso solicitamos que as férias de julho sejam antecipadas até que a escola tenha condições de recebê-los novamente”, frisou.
Diante dos pedidos o Presidente Rubiano Schmitz consultou os demais Vereadores e uma indicação, em caractere de urgência e assinada por todos, foi elaborada ao Executivo, solicitando que tais medidas sejam tomadas. Além disso, os parlamentares da Casa se manifestaram em forma de solidariedade com a comunidade escolar, pais e alunos, além de destacarem os diversos pedidos já efetuados nesta Legislatura solicitando maior atenção ao Alto Bonito.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Senai abre inscrições para cursos técnicos e de graduação gratuitos
Bandas de Caçador se apresentarão no Tchô Rock 2018
Mutirão de Conciliação deve atender mais de 1200 processos em Caçador
Semana Internacional da Educação com palestras sobre intercâmbio
Rodas de Conversa no curso de Psicologia da UNIARP
Cresol inaugura unidade em Caçador
Ação de limpeza das margens do Rio do Peixe será realizada em novembro
Menino de cinco anos realiza sonho de conhecer a Guarda Municipal
Mais 5 smartphones do IPTU Premiado serão sorteados em novembro
Espetáculo “Dança a História de Caçador